MC Magal – Ilhabela -Musica e Letra-

Informações do Artista!

Cantor:. MC Magal
Musica:. Ilhabela
Género:. Funk

Informações do Arquivo!

Tamanha:. 6,1 MB
Ano:. 2019
Tipo do Arquivo:. MP3

>>>> MC Magal – Ilhabela <<<<<


Letra da Musica – MC Magal – Ilhabela :

E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E da semente nasce o broto, do broto nasce a flor
De uma grande amizade pode nascer o amor
Vencido pela emoção, dominado pelo desejo
Recordo com a emoção o nosso primeiro beijo
O limão é tão azedo que ninguém pode chupar
Tua boca é tão doce que só eu posso beijar
Sou meio atrapalhado e não sei como chegar
Tenho que fumar maconha, pra perder minha vergonha
E poder me expressar
Pelas ruas que passei
Pessoas que encontrei
Você foi uma delas que jamais esquecerei
No filme de terror, ela é a mocinha, eu sou vilão
Tô sentindo que é paixão
Quando você tá perto, acelera o coração
Pego o meu violão pra ela canto uma canção
Ela é uma mistura de razão com ficção
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E da semente nasce o broto, do broto nasce a flor
De uma grande amizade pode nascer o amor
Vencido pela emoção, dominado pelo desejo
Recordo com a emoção o nosso primeiro beijo
O limão é tão azedo que ninguém pode chupar
Tua boca é tão doce que só eu posso beijar
Sou meio atrapalhado e não sei como chegar
Tenho que fumar maconha, pra perder minha vergonha
E poder me expressar
Pelas ruas que passei, pessoas que encontrei
Você foi uma delas que jamais esquecerei
No filme de terror, ela é a mocinha, eu sou vilão
Tô sentindo que é paixão
Quando você tá perto, acelera o coração
Pego o meu violão pra ela canto uma canção
Ela é uma mistura de razão com ficção
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
E eu e ela em Ilhabela
Dando uns trago numa vela
Com vista de frente ao mar
E eu deitado na areia
Vendo a minha sereia
Mergulhar
Da semente nasce o broto
Do broto nasce uma flor

 

    (Visited 196 times, 1 visits today)